A cada dois anos, a quantidade de dados no mundo duplica e até 2020 serão 40 trilhões de gigabytes, de acordo com estatísticas do Gartner. Hoje, as organizações reconhecem os dados como um ativo da organização que deve suportar a tomada de decisões nos negócios. E você ainda se pergunta por que contratar profissionais orientados a dados?

A demanda por profissionais data driven só cresce. Eles são capazes de extrair valores das tecnologias de Analytics, anda em alta. Você sabe como profissionais orientados a dados podem ajudar sua empresa? Se você ainda não trabalha com análise de dados, é melhor começar a rever seus conceitos.

O diferencial de um profissional orientado a dados para finanças

Os profissionais orientados a dados estão entre os cinco mais contratados no Brasil. As empresas querem profissionais analíticos, que trabalhem na resolução de problemas e que atuem como verdadeiros parceiros de negócios. Esse é o grande diferencial de tais especialistas. Por isso, de acordo com Guia Salarial da Robert Half 2018, há um grande aquecimento em posições que geram venda e receita, como as ligadas a Business Intelligence (BI) e Big Data.

No Brasil, o Guia Salarial da Robert Half indica que um analista em BI ganha, por mês, de R$ 4,5 mil a R$ 11 mil e um especialista de BI entre R$ 10 mil e R$ 16,5 mil. Já um analista em Big Data, entre R$ 5,5 mil e 12,5 mil, e um especialista em big data recebe entre R$ 12 mil e R$ 22 mil.

O volume de dados gerados pelas empresas aumentou exponencialmente e fazer uma análise eficiente dessas informações é fundamental para manter a competitividade. Pesquisa da Forbes Insight aponta que, em 2016, dois terços das 1,5 mil companhias entrevistadas tiveram um aumento superior a 15% nas receitas com o uso de analytics na estratégia dos negócios.

O que acontece é que os profissionais orientados a dados conseguem extrair informações que permitem traçar o perfil do cliente, definir o público-alvo e transformar isso em conhecimento. Consequentemente, auxiliam na geração de receita, redução de custos e retenção dos melhores clientes.

Por que contratar profissionais orientados a dados?

Os profissionais data driven são especialistas analíticos que desenvolvem habilidades técnicas para a gestão de problemas complexos. São, também, curiosos para descobrir os problemas a serem resolvidos. Eles exploram e desvendam as principais questões de negócio de uma empresa. Avaliam cenários internos e externos da organização e encontram soluções para os problemas.

Eles analisam os dados (estruturados ou não estruturados) e auxiliam as empresas a serem ainda mais competentes no mercado, criando algoritmos para extrair insights valiosos desses dados. Com as informações certas na mão podem defender ações mais eficientes, contribuir para tomadas de decisão ainda mais acertadas. Por isso, tornam-se essenciais para o desenvolvimento dos bons negócios. Os resultados interferem diretamente no planejamento de gestão, na redução de riscos e no aperfeiçoamento de métricas e indicadores, entre outros.

Mais recentemente, tem sido na área de finanças que os profissionais data driven ganham destaque. Ao contar com o diferencial de um profissional orientado a dados para finanças, é possível identificar que produtos/serviços agregam valor, trazem rentabilidade e aumento de receita para a empresa.

Veja algumas rotinas financeiras que podem ser otimizadas com a utilização inteligente dos dados:

1 Fluxo de caixa

O fluxo de caixa contém todos os gastos e movimentações financeiras de entrada e saída. Ao analisar e organizar essas informações, o profissional orientado a dados para finanças pode compreender melhor como o dinheiro está se movimentando. Com isso, vai buscar soluções para diminuir os gastos e aumentar os lucros.

2 Previsão orçamentária

A previsão orçamentária envolve os investimentos, riscos, ganhos e orçamentos e pode ser mensal, trimestral e anual, baseada nos interesses e tamanho do negócio. Com os dados financeiros do negócio devidamente analisados e organizados, esta previsão se torna mais simples e eficiente. Isso auxilia a tomada de decisão pelos gestores.

3 Aperfeiçoamento de relatórios e métricas

As métricas, indicadores de desempenho e relatórios financeiros são aperfeiçoadas com informações precisas e com baixa margem de erro. Os profissionais orientados a dados para finanças extraem inúmeras possibilidades de estatísticas, métodos, cálculos e outras ferramentas que ajudam na obtenção de números sobre aspectos do negócio.

Quais são as competências de um profissional data driven

Se você procura um profissional orientado a dados precisa saber quais são as competências necessárias. Muitos deles podem ser encontrados em cursos de graduação e pós-graduação. Mas uma boa parte está em consultorias que investem em formação como a Academia IN, entre outros. Algumas das consideradas essenciais:

  • Produção de resultados técnicos e de negócio satisfatórios;
  • Possuir visão estratégica de negócio;
  • Enfrentar os problemas gerados no projeto;
  • Influenciar, colaborar e democratizar decisões;
  • Estar aberto para inovações e tendências de mercado;
  • Buscar aprendizado contínuo;
  • Aceitar a utilização de sistemas legados.


Neste mercado de acirrada concorrência, você percebe os benefícios de investir no diferencial de um profissional orientado a dados para finanças pode fazer toda a diferença?

A missão desses profissionais é encarar um desafio e tanto: modelar os dados de maneira que todas as informações fiquem disponíveis de forma rápida e clara. E, com isso, administradores podem tomar decisões estratégicas rápidas e com segurança. Afinal, em tempos de competitividade, globalização e qualidade, as organizações que não otimizam seus dados podem correr sérios riscos.

Faça o download gratuito do ebook Como fazer a gestão financeira da sua organização em tempo real e veja como a análise de dados é importante para sua empresa.

 Nova call to action