Planejamento e disciplina são dois ingredientes básicos para manter a saúde em dia. Nosso organismo é vivo e para que ele funcione bem - o corpo como um todo e a mente - esse equilíbrio é essencial. Se tudo está em harmonia, você garante que seu organismo tenha 100% de aproveitamento.

Assim é com a saúde financeira da empresa. Todas as áreas devem estar sintonizadas, sabendo exatamente como funcionar para fazer com que o todo atinja o resultado esperado na sua melhor forma. Assim, será possível trabalhar com inteligência para determinar o cenário correto para melhor saúde financeira da empresa.

Para ajudar nessa avaliação, nada melhor que acompanhar os indicadores de desempenho ou KPIs financeiros, e repassar de forma clara aos gestores o resultado de suas operações. Conhecendo a saúde financeira da empresa todos os gestores podem fazer projeções mais acertadas com análise de métricas financeiras.

Você sabe o que são os KPIs financeiros e como aplicá-los?

Os KPIs (Key Performance Indicators), indicadores-chave de desempenho, são ferramentas de gestão para verificação do nível de desempenho de uma organização.

Cada setor deve ter seus próprios indicadores que, quando reunidos, mostram de uma forma geral os resultados da empresa.

Se você gestor estiver atento aos KPIs financeiros da sua empresa, terá condições para avaliar diferentes cenários da organização e identificar pontos que precisam de atenção especial. 

Cada empresa tem sua lista de indicadores para avaliar, de acordo com sua estratégia de negócio e setor de atuação, mas listamos aqui os dez principais que podem te ajudar:

  1. Rentabilidade sobre o Patrimônio Líquido;
  2. Valor Econômico Agregado (EVA);
  3. Liquidez Corrente;
  4. Crescimento de Receita;
  5. Margem Bruta;
  6. Geração de Caixa;
  7. Ponto de Equilíbrio;
  8. Endividamento;
  9. Recebimentos;
  10. Produtividade por colaborador.

Avalie a saúde financeira da empresa para não ter sustos

Dados da pesquisa “Sobrevivência das Empresas no Brasil”, realizada pelo Sebrae em 2016, mostram que a falta de planejamento/gestão é responsável pelo fechamento de 25% das empresas no País. Em terceiro lugar estão os problemas financeiros, que também atingem 25% das empresas brasileiras.

Vale destacar: as que evitaram o fechamento do negócio, o planejamento está entre os principais fatores, com 18% e a gestão financeira eficaz com 13%. 

Empresas que tem uma gestão alinhada, faz um bom planejamento e analisa bem de perto suas métricas financeiras, alcançam resultados constantes e sustentáveis. 

Não é à toa: indicadores financeiros auxiliam os gestores a avaliarem processos e a tomarem decisões mais seguras e até antecipadas, dependendo do cenário. Quer evitar sustos na gestão da sua empresa? Então avalie diariamente a saúde financeira do seu negócio.

Sim, tempo é dinheiro e deve ser administrado com qualidade

As planilhas eletrônicas ajudaram por vários anos os profissionais. Mas atualizar e analisar indicadores financeiros diariamente dessa forma, não é a melhor alternativa. Transformar dados em informações relevantes e de qualidade não é uma tarefa fácil, se feita manualmente.

O tempo investido nesta tarefa deveria ser utilizado na busca de insights e outras informações estratégicas para a tomada de decisão na organização. Se você ainda conta com as famosas planilhas na análise de indicadores, já é hora de promover uma mudança organizacional e buscar as ferramentas adequadas. 

Não importa se a sua empresa vive um momento de forte crescimento ou se ela está se mantendo no ‘zero a zero’, o importante é melhorar a qualidade dos controles e agilizar o processo de tomada de decisão. E ao dispor de indicadores financeiros fáceis de analisar e organizar, você terá terá dados de valor para orientar sua empresa. Uma boa ferramenta vai propiciar a análise de métricas financeiras de forma mais clara e contribuir para que a sua organização continue (ou se torne) rentável.

KPIs: Inteligência para determinar o cenário correto

Para colaborar com sua organização, há uma ferramenta analítica tão intuitiva que qualquer pessoa pode facilmente criar relatórios personalizados e dashboards dinâmicos para explorar grandes quantidades de dados e encontrar insights significativos para suas questões financeiras.

Ferramentas de BI (Business Analytics) podem ajudá-lo a ganhar precisão, agilidade e eficiência nas rotinas de consolidação e análise. Trata-se de uma plataforma para toda a empresa, sendo possível a customização e extensibilidade, preparação e integração de dados, com escalabilidade e governança corporativa.

Se sua empresa está, por exemplo, com dificuldades no caixa. Promover o crescimento das receitas é fundamental para organizar entradas e saídas de recursos. Em uma solução de BI, você poderá identificar, entre outras coisas, produtos pouco rentáveis, e com poucas chances de crescimento - analisando também o comportamento do consumidor em relação a este tipo de produto. 

Cruzando as informações certas, você poderá obter as respostas necessárias para cortar um produto de seu portfólio, e investir em outro, com chances mais reais de aumento de vendas, e, portanto, suas receitas!

Como fazer isso? Com uma ferramenta de BI que ofereça os recursos certos e com o apoio do melhor fornecedor.

Para saber mais, fale com nossos consultores. Até a próxima!

Nova call to action